Brasil Pelotas

PSOL Pelotas realiza plenária histórica

PSOL Pelotas
Escrito por PSOL Pelotas

Por mais de três horas filiados debateram política nos níveis municipal, estadual e federal via internet

A tarde deste sábado (2) foi de muito debate para os filiados do Psol Pelotas. Por três horas mais de 50 integrantes do partido participaram de uma plenária histórica – a primeira totalmente via internet.

A pauta do encontro contou com informes de setoriais e mandatos do partido. O isolamento social foi o item principal em todo debate. Outro tema abordado foi a reabertura do comércio em Pelotas, mesmo contra os indicadores demonstrados pelo estudo da Universidade Federal de Pelotas (UFPel).

A situação da educação em tempos de pandemia foi alvo de intervenções da setorial de educação. A migração do ensino presencial para o EAD – na pandemia – foi analisado.

Jenifer Dias, da juventude do partido e militante do Movimento Juntos, destacou a luta em curso contra a proposta de adoção do ensino remoto na Universidade e nas escolas de Pelotas, além da necessidade do adiamento do ENEM e a luta contra o próprio ministro Abrahan Weintraub, um dos principais expoentes do Bolsonarismo.

Na esfera nacional os atos do governo Bolsonaro e o apoio ao pedido de impeachment do presidente da república também ganharam destaque no debate.

Segundo a vereadora, Fernanda Miranda, a plenária atingiu o propósito. “Conseguimos discutir muitos pontos necessários neste momento de crise”, afirma. Ainda segundo Fernanda, a reunião do partido via internet deve ocorrer em outras ocasiões. “Foi um encontro muito positivo”, declara.

Outro destaque foram as articulações das setoriais do partido, que mobilizam a base em torno de pautas setoriais, mas que se unificam no programa. Negros e negras, educação, ecossocialistas, municipários, mulheres, entre tantas, são exemplos de setoriais que vêm construindo a mobilização de base do PSOL.

Texto: Igor Islabão

Sobre a autoria

PSOL Pelotas

PSOL Pelotas

Comente