Rio Grande do Sul

Nota sobre as ameaças sofridas pela bancada negra de Porto Alegre

Escrito por PSOL Pelotas

Expressamos nossa solidariedade aos vereadores Karen Santos (PSOL), Matheus Gomes (PSOL) e Daiana Santos (PCdoB), da bancada negra de Porto Alegre, que foram alvo de ameaças e ataques. Nós, do PSOL, encaramos de forma muito séria e grave o envio de ameaças a nossos parlamentares.

Destacamos que essa ocorrência não é algo isolado, mas se soma a ameaças que vêm sendo feitas a outros parlamentares do partido e de esquerda, em especial aqueles que são negros, mulheres ou LGBTs, dentre as quais citamos Talíria Petrone, Benny Brioli, Andréia de Jesus e Renata Souza, e que foi até suas últimas consequências no assassinato de Marielle Franco.

Sabemos que a presença de parlamentares que não são homens brancos heterossexuais incomoda aqueles que estão acostumados a, ao longo das décadas, deter o poder e fazer o que bem entendem no nosso país. Ao mesmo tempo, temos na presidência um governante no qual o pensamento reacionário de extrema-direita que propaga o ódio às minorias encontra eco e se sente respaldado.

O PSOL exige investigação e proteção aos parlamentares ameaçados e está verificando as medidas cabíveis a serem tomadas. Reiteramos que não iremos aceitar ataques ou intimidações de qualquer tipo.

Executiva Estadual do PSOL RS
Luciana Genro – Presidente

Sobre a autoria

PSOL Pelotas

Comente